Leilões de longo prazo para compra de energia

“Simplifique o Mercado Livre de Energia” é um programa que aborda de um jeito fácil e didático tudo o que você precisa sobre a comercialização de energia no ambiente de contratação livre.  

A cada episódio, a jornalista Ligia Martoni entrevista um especialista da Copel Mercado Livre ou parceiro das subsidiárias da Copel para esclarecer os assuntos mais importantes do setor, tirar as principais dúvidas e ajudar a mostrar se a compra no mercado livre pode ser vantajosa para você e para sua empresa. 

No segundo episódio, os analistas Henrique Romagnolo e Willian Ozawa falam sobre a abertura de uma chamada pública da Copel para a compra de energia a partir de novos empreendimentos de geração, modalidade que interessa os vendedores e os clientes finais da comercializadora.

Como funcionam os leilões de compra de energia para novos empreendimentos e para que perfil de empreendedor eles são indicados? Como eles refletem no cliente final de Copel Mercado Livre?

Esse mecanismo de leilões vem sendo aprimorado desde 2009, então já está com uma boa maturidade. Nesse processo de leilões, os empreendedores são colocados para disputar entre si, e os melhores classificados conseguem o menor preço de venda para Copel. 

Esse processo é feito em plataforma eletrônica de negociação, o que garante uma boa auditabilidade e uma boa credibilidade no processo como um todo. A escolha desses empreendedores é muito criteriosa, tendo eles boa capacidade técnica e financeira para enfrentar esses desafios. 

Quanto aos benefícios desses leilões, como o produto especificado para eles é um produto onde a energia comprada é limpa, renovável e certificada, por si só ele já tem o benefício regulatório associado a isso. 

A expectativa é de conseguir realizar a habilitação de uma boa quantidade de empreendedores qualificados, e conseguir, da mesma forma dos certames anteriores, realizar a contratação de um bom volume de energia com preços competitivos. Basicamente, os produtos oferecidos nestes leilões possuem um período de fornecimento chamado de longo prazo, de 15 anos. 

Dessa forma, é possível garantir a viabilidade econômica e financeira dos empreendimentos e a contratação de energia por preços mais baixos.

Por se tratar de empreendimentos que ainda não existem, como a Copel Mercado Livre gerencia o risco de de repente precisar dessa energia e ela não estar disponível quando for necessário?

É necessário prever garantias de fiel cumprimento, que precisam ser aportadas pelos empreendedores se eles não cumprirem alguns aspectos. É preciso, também, considerar o processo criterioso de habilitação antes da fase de disputa, que leva em conta aspectos técnicos, de capacidade de implantação de empreendimentos, aspectos financeiros como patrimônio líquido e capital social, e até aspectos fiscais e regulatórios.

Por que é interessante para o empreendedor vender energia para Copel Mercado Livre nesse tipo de leilão?

Os empreendedores vencedores destes leilões saem com a segurança de firmar um contrato de longo prazo com uma empresa do Grupo Copel, que possui um bom rating, ou classificação de crédito, e isso facilita bastante o próximo passo, que é a captação de recursos financeiros por meio de financiamentos, o que é um ponto bem crítico para a viabilidade destes novos empreendimentos. Com isso, todos acabam ganhando: a Copel, o empreendedor e o país, pois a Copel estará contribuindo também com a expansão do Parque  Gerador Nacional.

Se ficou interessado em migrar para o mercado livre de energia entre em contato com a Copel Mercado Livre e faça uma simulação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tamanho dos textos