Por definição, “sazonalização é o processo de alocar mensalmente um montante anual de energia, seja de um contrato ou a energia assegurada de um usina”. A declaração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) mostra a flexibilidade do setor de energia.

Ainda que assegurado o direito ao consumidor livre e especial de vender o excedente de energia contratada, o Mercado Livre de Energia não atua com a intenção de gerar lucro ou especulações de valores para os consumidores. Por isso, mostra a possibilidade de trabalhar com a sazonalidade.

A sazonalização de contratos é vista como alternativa para meses com déficit ou superávit de energia. Esta flexibilidade e modulação faz com que a demanda contratada se encaixe da melhor forma ao consumo. Assim, é possível dividir o montante contratado para o ano com as diferentes demandas de cada mês.

Ao entrar no Mercado Livre de Energia, é necessário que o consumidor apresente um estudo que traga dados dos últimos gastos energéticos e uma previsão para os próximos meses. Assim, o contrato de energia consegue ser customizado para o cliente. Esta situação ajuda a garantir que o montante consumido seja próximo ao contratado para evitar sobras e faltas de energia. Para isso, é recomendada a sazonalização do suprimento como um dos fatores essenciais em um contrato de fornecimento de energia.

A importância da sazonalização

Em um contrato convencional de energia, o valor pago é equivalente com o consumido a cada mês. No caso do Mercado Livre, o valor anual é único e mensalmente a mesma quantidade de energia estará disponível para o uso de determinado cliente. Mesmo assim, a demanda de energia pode ser muito inferior ou superior ao valor contratado.

Um exemplo são shoppings e escolas no mês de dezembro e janeiro. Enquanto o shopping está com horários estendidos devido às compras de fim de ano e liquidações, a escola se encontra fechada. Apesar disso, o valor pago por energia elétrica segue o mesmo. Deste modo, entendemos a importância da sazonalização como forma de garantir o serviço a preços mais competitivos.

Estas questões são destacadas em contrato, já que podem ser previstos com antecedência para garantir a melhor organização de energia a ser distribuída.

Como garantir os benefícios da sazonalização

Normalmente entre setembro e novembro, é solicitado um novo estudo para os consumidores do Mercado Livre, para que eles consigam estabelecer qual será a sazonalização do próximo ano. Neste momento, as empresas fazem uma análise dos últimos meses para entender quando o uso de energia é maior e quando ele não é usado com toda a capacidade contratada.

Em alguns casos, esta informação pode ser obtida de forma empírica. Em outros, é preciso analisar dados de vendas, estoque e produção para chegar a um valor próximo do volume de energia que será comprado e o que será consumido em um ano.

Um dos trabalhos de sazonalização mais realizados é o Flat. Com ele, a distribuição entre os meses é uniforme e normalmente utilizada por empresas que não enfrentam grandes alterações no consumo durante o ano. Já a sazonalização conforme curva de carga distribui mensalmente a energia com base em uma previsão de consumo, normalmente feita por empresas que têm maior variação no uso de energia.

Deste modo, é possível garantir os benefícios da sazonalização para que não receba custos desnecessários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tamanho dos textos